No artigo da semana passada, eu mostrei dois passos principais de preparação para a próxima crise. Hoje eu te mostrarei mais duas ações complementares que irão te ajudar, e muito, em épocas de “vacas magras”

No texto anterior, eu comentei a importância de criar a sua reserva de emergência e também manter o seu nível de endividamento zerado ou no mínimo possível. Recessões e crises são marcadas por altas de juros e de inflação, você não vai querer ver o seu poder de compra indo embora em tempos assim.

Os dois passos de hoje também requerem preparações a partir de agora, pois são muito mais fáceis de serem executados em época de expansão da economia. Note que as ações de hoje são complementares. Eu recomendo que você leia o artigo anterior, e só depois execute o que está escrito nesse. Aqueles passos são importantíssimos e necessários para continuar a sua preparação.

Veja que no artigo anterior eu falei puramente sobre organização financeira, hoje um dos passos tem a ver com a sua vida profissional e outro sobre investimentos. Sim, é possível prosperar até mesmo em época de crise. Eu sempre gosto de pensar que: em época de crise, o dinheiro apenas passa de mão. O dinheiro em circulação em um país ou no planeta não incinerado em épocas de crise, ele apenas muda de dono.

Vamos aos passos:

  1. Maximize o seu valor profissional;
  2. Crie e execute um plano de investimento para lucrar em quedas de mercado.

Aumentando o seu valor de mercado

Um dos grandes desafios das pessoas em épocas de crises/recessões é manter o seu nível de trabalho e salário. É comum pessoas perderem o emprego em plena crise e depois aceitar qualquer trabalho em troca de uma remuneração muito mais baixa porque não se capacitou, se preparou ou desenvolveu novas habilidades. Isso pode ser feito através de cursos ou certificações, por exemplo.

A hora certa de conseguir aumentos, ou até mesmo mudar de emprego, é agora. Em épocas de “vacas magras”, aumentos e bônus começam a ficar mais complicados (pelo menos para os empregados).

Portanto, faça uma autoavaliação e veja quais habilidades você poderia aprender e desenvolver para se tornar um profissional mais valorizado na sua área de atuação. Aprender inglês? Excel? Inteligência Emocional? Liderança? Matemática Financeira?

Aproveite e comece a aprender agora!

Ganhando em grandes quedas de mercado

Veja o gráfico do ibovespa dos últimos 5 anos:

Screen Shot 2019-09-16 at 20.39.48.png
Ibovespa desde 2015 (Fonte: Bússola do Investidor)

Veja que o gráfico do índice é ascendente, mas não é uma linha reta. É a famosa frase “A bolsa sobe caindo”. Em períodos de crise (2015 e 2016) e de incertezas econômicas (período eleitoral de 2018), a bolsa tende a cair. Veja também que ela se recupera rapidamente. De 38 mil pontos no início de 2016, foi para 70 mil no início de 2017.

A bolsa cair em épocas ruins é completamente normal e esperado.

O maior erro que os investidores de bolsa de valores cometem é vender ações quando elas estão caindo vertiginosamente. Mal sabem eles que logo elas estarão valendo muito mais do que antes da crise.

Quer a prova disso? No momento em que este artigo é escrito, o ibovespa está em 103 mil pontos. Se esse índice cair 45% na próxima crise, ele ainda estará mais alto do que há 3 anos.

Isso é um reflexo do mesmo comportamento das bolsas da maior economia do planeta (EUA). Na última recessão americana, os índices de lá, mesmo após grandes quedas, ficaram maiores do que em períodos anteriores à recessão.

O gráfico do ibovespa acima demostra o porquê de você ter ações pensando no longo prazo. Tendo uma abordagem “buy and hold” (estratégia de compra de ações de boas empresas periodicamente e ganhar dinheiro através da valorização e dividendos no decorrer dos anos) você não cometerá o erro de vender suas ações no pior momento e perder completamente a recuperação do mercado.

Para conseguir fazer isso, você deverá ter executado os demais passos que mencionei. Você deverá a sua reserva de emergência, estar livre de dívidas e com salário em cada mês garantido. Não faz sentido investir na bolsa de valores em plena crise se você estiver desempregado, ou lotado de dívidas.

Se você já investe na bolsa e tem uma estratégia definida, com aportes mensais, por exemplo. Eu recomendo que continue na mesma estratégia. Com a mesma quantia mensal, você será capaz de comprar mais ações das empresas em épocas de baixa. Também é muito importante ter uma parcela dos seus investimentos em Renda Fixa, eles vão te proteger da volatilidade de curto prazo das ações nas crises e te ajudarão a ter um sono tranquilo.

Se ainda não investe na bolsa e quer aproveitar períodos de queda para lucrar depois da crise, recomendo que comece a estudar agora mesmo. Quem tem um perfil mais especulador tende a perder muito dinheiro nas recessões e crises. Se você aproveitar uma grande baixa e comprar ações, terá um grande retorno dentro de poucos anos.

Conclusão

Veja que apresentei uma “escala evolutiva” de sobrevivência em crise. Primeiro, falei como é importante ter a sua reserva de emergências para ser usada em caso de demissões ou qualquer outro imprevisto que prejudique a entrada de dinheiro no seu bolso. Depois, comentei que é muito importante estar livre de dívidas (ou ter o mínimo possível), porque os juros ficam mais altos e financiamentos atrelados à inflação podem ficar bem caros em períodos assim.

E também você deve garantir que seu valor de mercado seja mantido na sua área de atuação, sendo necessário aprender e desenvolver novas habilidades, através de cursos ou certificações. E, finalmente, quando você conseguiu completar os três passos seguintes, você poderá pensar em investir o seu dinheiro em épocas bolsa barata e juros altos. A bolsa normalmente volta ao mesmo patamar antes de crises rapidamente e juros altos beneficiam aqueles que investem na Renda Fixa.

Se você gostou desses artigos sobre preparação para crises e recessões, não deixe de mandar para seus amigos e familiares. Essas informações que passei nesses textos são de grande importância para qualquer um. Não estar preparado pode impactar o resto da sua vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s