O que você imagina quando fala-se de filosofia no mundo de hoje? Alguém de terno, pouco ou nenhum cabelo, dando palestras e sendo tratado como celebridade na internet? Ou lembra-se daquelas aulas intermináveis no colégio sobre Platão, Sócrates, Aristóteles e tantos outros nomes que a gente nem sabe mais quem fez o quê? Hoje te apresento uma corrente filosófica prática, criada lá na Grécia Antiga e usada atualmente por jogadores, líderes, técnicos, autores, gerentes e CEOs pelo mundo afora para obter resultados melhores e sucesso na vida.

Zenão de Cítio era um mercador rico e, por volta de 300 a.C. fez uma viagem marítima à Atenas, mas seu navio afundou no meio do caminho. Sem mais nenhuma posse, ele passou a frequentar uma biblioteca local e conheceu o trabalho de Sócrates. Interessou-se por Filosofia e logo procurou os mais notáveis filósofos locais para aprofundar-se nos estudos.

Em pouco tempo, Zenão já lecionava para alunos o que era conhecido como Estoicismo. A palavra é derivada de Stoa Poikile, o pórtico das construções gregas da época, lá era onde seus alunos se reuniam para as aulas.

Stoa Poikile excavations in the Athenian Agora
Uma stoa grega (Imagem retirada de: Archeology News Network)

Zenão pregava ensinamentos sobre virtudes, tolerância e autocontrole, baseados em quatro conceitos: sabedoria, temperamento, justiça e coragem. Ele acreditava que o universo é uma cadeia de relações causa e efeito e que devemos usar nossa energia e foco naquilo que está na nossa esfera de ação.

Veja a quantidade de pessoas hoje em dia, não só no Brasil, que usam suas energias, tempo e foco para discutir e julgar situações que estão muito além do seu controle. Discussões acaloradas sobre quem está ocupando um determinado cargo público, sobre um colega de trabalho chato, sobre quem está preso ou está solto, ou como o tempo está ruim.

Tudo isso é ruído.

Tudo isso está fora da sua esfera de controle.

Problemas como estes não devem ser o foco de energia de um estoico, ao invés disso, ele se preocupa em resolver aquilo que está ao seu alcance.

É uma corrente filosófica que não imagina como é o mundo ideal, e sim como lidamos com o mundo do jeito que ele é, sempre procurando o autodesenvolvimento.

Muitos acham que hoje é usada por pessoas passivas e que desejam diminuir suas emoções. Na verdade, o estoicismo pode nos ajudar a conhecer nossas emoções antes que ela tomem o controle, assim evita-se descarregar estresse verbalmente em outra pessoa ou a compra/venda de algo por impulso, por exemplo. Também nos ajuda a ser mais consistente em todas as áreas da nossa vida.

Os founding fathers (John Adams, Benjamin Franklin, Alexander Hamilton, John Jay, Thomas Jefferson, James Madison e George Washington), aqueles responsáveis pela criação dos Estados Unidos como conhecemos hoje ao reunir as 13 colônias e vencer a guerra contra os ingleses, eram estoicos. E não tinham nada de passividade, eles precisavam de uma ferramenta para tomar as decisões certas no calor de importantes batalhas.

De alunos em pórticos na Grécia Antiga, aos fundadores dos Estados Unidos e hoje usada pelos mais diversos atletas, treinadores, CEOs, gerentes e presidentes. Todas essas pessoas adeptas do estoicismo visam usar esta ferramenta para tomar decisões melhores, se tornar menos reativo e focar as energias apenas naquilo que está ao alcance.

Uma escolha muito inteligente neste mundo de tanta informação inútil e ruído.

Nelson Mandela, na época de sua prisão, teve acesso a livros de um famoso adepto do estoicismo, Marco Aurélio, Imperador de Roma durante 19 anos (o livro em questão é “Meditações“). Depois da sua soltura, ao invés de tentar mudar o passado (fora do seu controle), Mandela pensou no futuro e unificou um país separado por uma política racista que durou muitas décadas e se tornou uma das mais importantes figuras da História da humanidade.

Busto de Sêneca, um dos estoicos mais famosos. (Wikipédia)

Já tive a oportunidade de ler algumas cartas de Sêneca para Lucílio (disponibilizadas gratuitamente por Tim Ferriss), e vi como esta filosofia de vida é interessante. E, mesmo não sendo uma leitura fácil, consegui absorver alguns dos conceitos principais: respeitar os outros, conhecer seus limites, se preparar para adversidades, não se preocupar com críticas supérfluas dos outros e por aí vai.

As cartas de Sêneca também estão disponíveis digitalmente em português na Amazon por menos de R$10.

Se você deseja começar a praticá-la, comece por esses dois passos:

  1. Conheça a esfera das coisas que estão ao seu controle;
  2. Treine para diminuir as suas reações exageradas a críticas.

Tim Ferriss afirma que seu sucesso na última década se deu ao Estoicismo, ele conseguiu tomar melhores decisões de vida, conhecer seus medos, se planejar para eles caso aconteçam, e não ligou para críticas sem fundamentos que seu trabalho recebia. Assim, foi capaz de escrever 4 best-sellers e criou um dos mais famosos podcasts do planeta.

Para finalizar, deixo um ensinamento de outro filósofo estoico famoso que passou boa parte da vida como escravo, Epiteto:

Nós não sofremos por causa dos eventos em nossas vidas. Sofremos por causa dos nossos julgamentos desses eventos.

O Estoicismo é uma corrente filosófica prática, não tenta idealizar a realidade, nem tenta estudar os inúmeros fenômenos sociais da sua época. O estoicismo pode ser usado de maneira prática no dia a dia, treinando o indivíduo a usar suas energiar apenas naquilo que está ao seu alcance e o deixando mais resistente a mudanças emocionais. Portanto, se quiser aprender como jogadores, autores, técnicos e CEOs da mais alta performance pensam e agem, comece estudando o Estoicismo.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s